• Roberto Kirizawa

Qual é a forma mais fácil de se ter consistência

Tempo de leitura: 4 minutos


Sabendo que a consistência é o fator preponderante para se alcançar o sucesso em qualquer área, temos que entender como manter a consistência de uma atividade.

A forma mais fácil de se manter a consistência de qualquer atividade é gostar dela. Tudo fica mais fácil quando se gosta do que se faz.

Escolha corretamente para ter consistência

Por isso, temos que ter sabedoria em saber quais batalhas iremos escolher. Se você detesta acordar cedo, por que justamente é este hábito que quer criar? Se não suporta correr, por que quer correr todos os dias? A não ser que você seja masoquista, isso não faz sentido algum. Já existem coisas demais que temos que fazer, gostando ou não. Portanto, não aumente esta lista, ok?

Saiba o que escolher

Para melhorar a saúde é necessário praticar exercícios com certa frequência. Então escolha uma atividade que goste. Ou pelo menos que ache que vá gostar de praticar. E caso comece e não goste, sinta-se à vontade para mudar. Experimentar faz parte do processo. O importante é encontrar a atividade que seja mais fácil de se manter a consistência para alcançar o objetivo esperado.

Use esta fórmula para ter consistência

Este pensamento deve ser igual para todas as atividades que você determinar que são necessárias manter a consistência para alcançar seu objetivo. Para as pessoas que sentem que o seu trabalho é um fardo, deveriam entender que poderiam ter melhores resultados se fizesse algo que gostasse ou que tivesse habilidade natural para isto. Quando se consegue conciliar o trabalho com o que gosta o resultado só pode ser uma pessoa realizada, e claro, ótimos resultados no campo profissional.

Nem tudo são flores

Tudo bem, já estou ouvindo você retrucar dizendo que está difícil encontrar trabalho e que tem que aceitar o que aparecer. Então comece com este trabalho e vá procurando uma vaga para trabalhar em algo que goste.

Se você acha que não gosta de nada, faça uma pergunta a você mesmo: “Se você já tivesse todo o dinheiro que precisa para viver, e tivesse que escolher algo para fazer para ajudar a sociedade. O que faria?” Provavelmente esta resposta lhe dará uma boa direção em que área você poderá se dar bem trabalhando.

Escolha de forma coerente

Não se esqueça de que não vale a pena querer encarar uma batalha que não se pode vencer. Por exemplo, se você não gosta de números, não adianta querer ser um contador. Mas, por outro lado, se gosta, talvez trabalhar como contador seja uma boa pedida.

Um passo por vez

Fora isso, existem outras coisas a serem consideradas antes de determinar quais as ações você irá criar a consistência. Comece aos poucos. Caso você opte por começar a ler, comece lendo 5 minutos por dia. Quando a leitura estiver interessante, prolongue um pouco mais. Depois de 15 dias, passe a estipular 10 minutos diários para a atividade da leitura. Mais 15 dias passados, dedique 15 minutos e vá aumentando desta forma, aos poucos. Quando chegar em 15 minutos, você poderá dar-se por satisfeito e manter este ritmo de leitura diário. Ou se quiser aumentar mais, fica por sua conta. Creio que 15 minutos é um tempo bom para separar diariamente para o hábito da leitura.

Experimente coisas novas

E aí lembre-se do que mencionei. Procure começar lendo temas e assuntos que te interessam naturalmente. Após um tempo, quando acostumar-se e a leitura diária começar a virar um hábito, passe a ousar lendo temas diferentes, mas que ainda tenham alguma ligação com os assuntos que tem interesse. E por fim, quando estiver tão acostumado a tirar aquele tempo diariamente para leitura, que até começará a sentir falta quando não o fizer, passe a ler coisas sobre temas e assuntos diversos, de outras áreas. Comece a se aventurar para descobrir novas áreas de interesse. Isso poderá te ajudar de muitas formas em sua vida.

Conclusão

Portanto, lembre-se:

  1. Procure fazer atividades que goste;

  2. Comece aos poucos;

  3. Vá aumentando a frequência sem grandes saltos.

Desta forma também podemos fazer ao se adaptar para um estilo de vida minimalista. Quando não se está acostumado a agir e pensar utilizando os conceitos do minimalismo é comum voltar a fazer as coisas como estava acostumado antigamente. Por isso, é necessário criar um planejamento para que esta mudança aconteça de forma natural e sem grandes obstáculos.

 

Programa Quando Menos é Mais

Caso você tenha interesse em ter uma vida mais leve, com significado, utilizando os conceitos do minimalismo conjugados com técnicas cientificamente comprovadas, clique no botão e saiba mais.


Programa Quando Menos é Mais

 

Se você achou que este conteúdo teve valor para você e pode ajudar alguém que você conheça, compartilhe-o como demonstração de carinho.

Muito obrigado e até a próxima.


#consistência

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tempo de leitura: 5 minutos Hoje vamos conversar sobre o livro A Arte de Viver que foi escrito por Sharon Lebell, baseado no primeiro e mais admirável manual do Ocidente em como viver melhor, criado p

Tempo de leitura: 4 minutos Hoje vamos conversar sobre como muda de vida e conseguir conquistar seus objetivos. Muitas pessoas querem mudar de vida, mas não sabem como começar. Nem mesmo o que tem que