• Roberto Kirizawa

DO MIL AO MILHÃO

Tempo de leitura: 4 minutos

No livro Do Mil ao Milhão, escrito por Thiago Nigro podemos identificar qual é o seu pensamento estratégico para conseguirmos alcançar 1 milhão de reais, na prática.

Sim, ele diz no livro que acredita que isso é possível para qualquer pessoa e mostra qual seria o caminho das pedras.

Livro do Mil ao Milhão

Quando vivemos de forma minimalista, tendemos a gastar menos dinheiro.

E por consequência, poupar mais.

Mas meramente poupar, sem saber o que fazer com este dinheiro, seria muito desmazelo de nossa parte, não é mesmo?

Clube do Livro

Antes de mais nada deixa eu passar para você que eu criei a página Clube do Livro para facilitar a sua vida.

Se você está a procura do próximo livro que vai ler acredito que a página Clube do Livro possa te ajudar bastante.

Um dos pilares do livro Do Mil ao Milhão

Um dos pilares do livro é não fazer dívidas.

E só por ter contemplado este assunto eu já gostei do livro.

Não adianta a pessoa ficar sonhando em alcançar R$ 1 milhão e não agir.

Portanto, para ajustar a vida financeira de qualquer um, com certeza, a primeira coisa é não se endividar.

E caso esteja endividado, criar um caminho para sair das dívidas.

Esse é um ponto primordial para só então poder dar o segundo passo que seria poupar dinheiro.

Programa Quando Menos é Mais

Inclusive no módulo dinheiro do Programa Quando Menos é Mais eu explico detalhadamente como fazer para conseguir sair das dívidas e começar a poupar dinheiro.

O segundo passo do livro Do Mil ao Milhão

Bom, como eu disse, o segundo passo é poupar.

E nesse quesito o Thiago Nigro diz que não é a favor de ficar economizando no cafezinho ou em pequenas despesas.

Ele diz que existem gastos mais relevantes para dar atenção.

Como por exemplo na compra de um carro.

Ao invés de comprar um carro novo, é melhor comprar um usado em bom estado.

Só neste gasto dá para se economizar um bom dinheiro.

Outro exemplo seria deixar de fazer viagens internacionais todos os anos.

Meu ponto de vista

Porém, no meu ponto de vista, existem muitas pessoas que ainda não estão neste nível de poder escolher entre comprar um carro novo ou usado.

E muito menos de poder viajar todos os anos para o exterior.

Realizar pequenas economias como passar a levar sua marmita no almoço, deixar de tomar café no shopping e coisas do tipo, no final do mês pode dar um resultado interessante para quem está com uma renda baixa, no momento.

Se esforce sempre para ter o melhor resultado

Mas, acredito que ele fala isso porque um outro pilar que ele menciona é que você deve se esforçar para sempre ter o melhor resultado.

Desta forma, com mais ou menos tempo, conseguirá receber mais.

Seja como empregado ou empreendedor.

Pensando desta forma, e levando-se em conta que a pessoa já alcançou uma renda relativamente alta, aí sim faz todo o sentido o que ele fala no livro.

Divisão do orçamento

No livro Do Mil ao Milhão, também é comentado que deve-se ter em mente uma certa proporção no orçamento.

  1. 60% deve ser direcionado para os gastos essenciais;

  2. 30% deve ser investido;

  3. 10% poderá ser gasto como quiser.

Eu acho que esta é uma boa proporção para quem está querendo criar uma aposentadoria legal no futuro.

Sei que é difícil e desafiadora, porém como dizem:

Não dá para fazer uma omelete sem quebrar os ovos.

Possibilidades de investimentos

Agora que você já sabe qual é a proporção para investir o seu dinheiro, o Thiago Nigro explica as diversas formas de aplicação existentes no mercado.

Ele fala sobre a poupança, e da renda fixa até a renda variável através das ações.

Você se preocupa com sua aposentadoria?

Um dado que achei surpreendente que vi no livro Do Mil ao Milhão é que enquanto na Alemanha 55,1% das pessoa poupam pensando na aposentadoria, no Brasil estamos falando de apenas 3,6%!

Isso é assustador, ainda mais sabendo que com o valor de uma aposentadoria pública não dá para se viver com qualidade de vida alguma.

Como chegar do mil ao milhão

No livro Do Mil ao Milhão é demonstrado através de tabelas as diversas possibilidades de se alcançar o R$ 1 milhão, dependendo dos seguintes fatores:

  1. Quantidade de dinheiro poupado mensalmente;

  2. Tipo de investimento a ser feito;

  3. Quantidade de tempo necessário para se poupar.

Com isso é fácil de se entender que o caminho é simples.

Porém difícil de se cumprir.

Mas não é impossível.

Basta ter garra, persistência, certa dose de sorte na decisões a serem tomadas tanto no trabalho como nos investimentos e principalmente tempo para usufruir do poder dos juros compostos.

Se você achou que este conteúdo teve valor para você e pode ajudar alguém que você conheça, compartilhe-o como demonstração de carinho.

Muito obrigado e até a próxima.

#dinheiro #finanças #thiagonigro #domilaomilhão #primorico

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Tempo de leitura: 12 minutos Ao longo da vida a gente vai acumulando hábitos de consumo que não são os melhores, pensando financeiramente, e jogam nosso dinheiro no lixo. Porém, como o próprio nome di

Tempo de leitura: 11 minutos Acho que você já pensou na possibilidade de viver de renda passiva, né. Mas o que é viver de renda pra você? O senso mais comum, que muita gente acabou pegando emprestado